jusbrasil.com.br
16 de Janeiro de 2019
    Adicione tópicos

    Falece desembargador aposentado Válter Nogueira e Vasconcelos

    Tribunal de Justiça do Ceará
    há 6 anos

    Faleceu nessa segunda-feira (31/12), aos 88 anos, o desembargador aposentado Válter Nogueira e Vasconcelos, ex-presidente do Tribunal de Justiça do Ceará (1989/1990). O sepultamento ocorreu nessa terça-feira, no Cemitério Parque da Paz.

    O magistrado nasceu em Tianguá no dia 4 de setembro de 1924. Formou-se em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade de Direito do Ceará na turma de 1951.

    A carreira na magistratura começou na Comarca de Coreaú, em 1954. Atuou, ainda, nas comarcas de Santana do Acaraú, Assaré, Aracati, Juazeiro do Norte, Maranguape, Caucaia e Fortaleza. Anteriormente, exerceu o cargo de promotor de Justiça.

    Na Capital, foi titular da 1ª Vara dos feitos da Fazenda Estadual e Municipal. Também integrou o Tribunal Regional Eleitoral. Foi nomeado desembargador na vaga decorrente da aposentadoria do desembargador Antonio Banhos Neto. No Tribunal de Justiça, exerceu todos os cargos de direção, diretoria do Fórum Clóvis Beviláqua, acumulada com a Vice-Presidência, Corregedoria Geral da Justiça e a Presidência. Aposentou-se em 1994, por haver atingido a idade limite de permanência no serviço público.

    Era casado com Dona Maria do Carmo Costa Nogueira, com quem teve cinco filhos: a juíza Maria Cristiane Costa Nogueira, o engenheiro civil Francisco Antonio Costa Nogueira, o servidor público Válter Nogueira e Vasconcelos Filho, a advogada Jaqueline Nogueira Rodrigues e a empresária Natália Virgínia Nogueira Costa Lima.

    Esta notícia foi acessada 00025 vez (es).

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)